606 – Os soldadinhos de chumbo do Proifes

Para o Saci, os soldadinhos do Proifes são deveras ágeis fieis e disciplinados… Provavelmente, a diretoria da APUB estará, logo mais, também publicizando a “boa nova” no seu site… (clique na arte para visualizar melhor quem dá bandeira…).

O Prof. Luiz Aníbal, que não joga no time dos proifenses governistas, também foi rápido no gatilho:

Caros,

se desejarem, acessem o link abaixo com a reportagem produzida pelo Jornal Nacional sobre a proposta apresentada pelo Governo hoje (24/07, terça):

http://g1.globo.com/jornal-nacional/noticia/2012/07/governo-apresenta-nova-proposta-salarial-professores-de-federais.html

Caso tenham paciência e interesse, atentem para o pronunciamento do Professor Eduardo Rolim de Oliviera, liderança maior do PROIFES, logo após o ministro Mercadante:

“Eu acredito que, com essa proposta, nós daremos um passo decisivo para encerrar a greve a partir de agosto”, afirmou o ministro da Educação, Aloizio Mercadante.

Dos três sindicatos que participaram da reunião, um apoiou a proposta do governo e agora vai ouvir os professores nos estados. “Para isso foi feito uma colocação do governo de 15 pontos que julgávamos essenciais para avançar no diálogo. Pela análise rápida que tivemos tempo de fazer, o governo atendeu todos os 15 pontos que colocamos”, declarou Eduardo Rolim de Oliveira, presidente do Proifes Federação.

Há um outro aspecto: A Professora Silvia, Diretora maior da APUB e também da Direção do PROIFES, acompanhou outros dirigentes do PROIFES em reuniões com o Governo logo após a nossa última assembléia, defendendo propostas do PROIFES sem jamais apresentá-las à discussão da categoria.

Vamos ver até quando conseguiremos suportar e, pior ainda, financiar o que para mim é puro peleguimos, dos mais encancarados que já imaginei, superior até mesmo ao praticado por Joaquinzão à serviço da ditadura!

O PROIFES não tem base, praticamente só existe no imaginário de seus dirigentes, é pura fantasia; sua legitimidade é falsa e hoje é falsamente sustentada pela presença que lhes facultamos nas mesas de nossas assembléias – à guisa de assegrarmos a unidade do movimento! Mas isso tem um custo muito alto, associado à natureza sorrateira típica de todo pelego. Vamos pagar caro se tentarmos sustentar uma unidade impossivel!

Luiz Anibal – DCTM / EP – UFBA

Anúncios

Uma resposta to “606 – Os soldadinhos de chumbo do Proifes”

  1. osaciperere Says:

    Deu na mídia:
    ———————————

    Governo propõe reajuste de 25% a 40% para professores

    Por Isabel Braga (pais.online@oglobo.com.br)
    Agência O Globo

    BRASÍLIA – O governo apresentou nesta terça-feira nova proposta de reajustes para os professores das universidades federais, que estão em greve há mais de dois meses, mas ainda não há uma definição dos sindicatos sobre o fim da paralisação. Pela nova proposta apresentada em reunião hoje no Ministério do Planejamento, os reajustes vão variar de 25% a 40%, em vez de 12% a 40% como era na proposta anterior. Os negociadores do governo já avisaram que chegaram no limite, não podem ceder mais que isso.
    Servidores em greve protestam em frente o Planalto

    Com a nova proposta, o impacto financeiro que seria de R$ 3,9 bilhões passou para R$ 4,2 bilhões. E a concessão do reajuste poderá ser antecipada para o primeiro semestre de 2013, em vez de valer só a partir de agosto, como estava na primeira proposta do governo.

    Os dois sindicatos que representam os professores das universidades federais estão divididos em relação à nova proposta: um aceita, outro não. Os novos termos serão submetidos aos professores em assembleia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: