1360 – O Norte da Bússola

.

BÚSSOLA-DA-GREVE-2015.-UFBA.

Saci-Pererê
Simpatizante da UFBA

E.

.

stou feliz, muito feliz, mega feliz, giga e tera feliz – Querida Leitora, Querido Leitor – pois o chefinho me permitiu assinar esta postagem, além de “chargeá-la”. Estou pleno! Em êxtase, qual o de Santa Tereza, de Bernini! AHHH! O chefinho é bom companheiro! IURUUU!

Mas vamos ao que interessa. Estou feliz, da mesma forma, com a notícia de que o magnífico reitor da UFBA, o Prof. João Salles, convocou um evento em defesa da querida universidade que dirige, defesa essa que acontecerá no Salão Nobre da Reitoria. Dois pontos para ele nesta unidade. Garantidíssimos. Isso significa que, se na prova de final de semestre ele tirar um oito, vai fechar a unidade com dez. Com louvor, claro!

Só ainda não entendi muito bem contra quem vamos defender a UFBA. Porém, não importa. O importante é defendê-la! E com unhas e dentes!

“Mas o que é a UFBA?” – você pode indagar – é o Palácio da Reitoria com seus diversos campi? Também é, respondo eu. Que, aliás, precisam ser muito bem cuidados. Mas não só! A UFBA é o seu relevante trabalho prestado à sociedadebox-ufba--2015 baiana, ao Brasil e ao mundo, através do seu ensino, da sua pesquisa e da sua extensão, sua capacidade crítica e laboriosa, comprometidos com a emancipação humana, com o bem-estar e o crescimento das pessoas . Ora, para que esse trabalho seja realizado, só os homens e as mulheres podem assumi-lo, envolvendo, portanto, múltiplos agentes sociais como professores, técnicos-administrativos e alunos, além, claro, de outros agentes com rosto de gente e não menos humanos!

E se falo que não sei contra quem a UFBA lutará, é porque, até onde meus pobres neurônios “sinapeiam”, não estará lutando contra o doidivanas do Aécio Neves ou assemelhados, pois  a presidente da República, a que tem a prerrogativa do mando, não é ninguém menos do que aquela do “Coração Valente” cantada em prosas e versos durante a última campanha presidencial, ilustre mandatária que teve total apoio do reitor João Salles, com direito até a fotos iguais às que fazem os times de futebol, juntamente com outros reitores das universidades federais brasileiras. Pelo menos, insisto, até onde sei.

1-reitores

Sinceramente, não dá para não perguntar se a “Pátria Educadora” não traiu, ou pelo menos não frustrou, esse horror de magníficos, cujas universidades sofreram ou sofrerão profundas estocadas ao que tudo indica…

 

D.

.

e repente, me ocorre que o magnífico reitor, acometido por um providencial insight,  e usando das suas prerrogativas constitucionais, e também considerando que foi eleito com grande folga de votos nas três categorias, resolva mostrar para que veio: nada menos do que para reitorar, com absoluta autonomia, a Universidade Federal da Bahia,  com o propósito de cada vez mais agrandá-la. Pensando bem, reitor não é office boy do MEC. Ministros de Estado são momeados, e são subalternos ao executivo, quais Joaquim Levy, Nelso Barbosa e o presidente do Banco Central Alexandre Tombini. Já os reitores, não! São legítima e democraticamente sufragados pelas unas. Pt saudações.

Desta forma, não me resta pensar senão que o magnífico reitor estará se insurgindo, e pegando em armas, metaforicamente, para defender a UFBA – nosso bem maior -, ou esgrimindo, ou digladiando-se, ao fim e ao cabo, contra ninguém menos que a presidente Dilma Rousseff, aquela mesma que prometeu uma Pátria Educadora, mas que está entregando uma Pátria Amputada, permitindo que o cutelo levyano do ajuste fiscal a esquarteje sem dó nem piedade. Por tabelinha, o magnífico esgrimirá também, ainda que com palavras, contra os nobres parlamentares, principalmente do PT e PCdoB, que acorrerão ao Palácio da Reitoria, ávidos por ficarem bem na foto e na fita, e que o aplaudirão a contragosto, com medo de perder os votos do rico quinhão acadêmico… No mínimo perguntará contundente: “O que estão fazendo os nobres ocupantes na Casa do Povo que não defendem os trabalhadores, ou o próprio povo que os elegeu”?

Finalmente, estou feliz, porque a base docente vai dar o norte à descabriada diretoria da APUB, tão depauperada, tão desvalida, tão mal-aconselhada  – desde que se enturmou com o deletério Proifes. Até quando procrastinarão a reassunção do ANDES-SN? A propósito, vale perguntar: E agora Proifes? O que fazer diante do escárnio da Pátria Educadora aos professores, principalmente os do ensino superior?

O momento é propício para a união dos docentes. Que os pelegos se convençam que não há outra forma de engrandecer a UFBA, e de assegurar a dignidade dos que a constroem diuturnamente, a não ser pela luta. Que voltem como filhos pródigos, e serão certamente bem acolhidos pelos que nunca se deixaram cooptar.

Viva a UFBA! Cartão verde para o Magnífico Reitor!

cartão-verde-2015

Anúncios

3 Respostas to “1360 – O Norte da Bússola”

  1. apmsampaio Says:

    Bravo!!!!

  2. altino Says:

    Prezado!
    está se superando!
    abração,
    altino

  3. elda vieira tramm Says:

    Prezado, obrigada por me atualizar com as notícias da ufba. Instituição que eu amo e que nunca deixarei de lutar por ela, mesmo estando aposentada abs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: