• A polêmica ida de Dona Dilma ao céu

 

Menandro Ramos
Prof. da FACED/UFBA

 

O texto do jornalista João Mellão Leitão (clique AQUI se quiser lê-lo), disponibilizado na versão on-line do Estadão, intitulado “Dilma no céu”, tem provocado muita polêmica. Uns gostaram e outros detestaram o dito cujo. Quem o detestou diz que o mesmo não deve ser passado adiante e o acusa de ser preconceituoso e arauto do pensamento da direita.

Conversei longamente com o meu amigo Saci e não chegamos a lugar algum. Mas tivemos consenso numa coisa: se algo depõe contra a ministra e candidata, certamente não é o fato de ela ter participado de ações armadas clandestinas ou de ter sido guerrilheira. Esse foi o nosso entendimento. Nem discutimos se foi terrorista, se participou de assaltos a bancos ou coisas do quilate.  Suas ações em oposição ao nefando governo militar brasileiro dos anos 60, ao contrário, seriam motivo de orgulho para os que escolheram a democracia como a mais acertada das construções políticas. Principalmente se essa for adjetivada de “popular” e corresponder – de fato -, à hegemonia do trabalho, em oposição à democracia burguesa, posto avançado dos interesses do capital. Até aí morreu Neves.

O que dá um nó na cabeça de quem se dispuser a examinar a biografia da ilustre ex-guerrilheira e ex-professora de temas marxistas, conforme se tem notícia, é como ela pôde dar uma guinada tão violenta de suas convicções e leitura de mundo.

É como se imaginássemos o Che administrando, em Cuba, uma rede de cassinos e “inferninhos” norte-americanos, após o esforço de guerrilha em Sierra Maestra, e outros sítios da ilha, depois de derrotar o ditador Fulgêncio Batista. Ou, ainda, numa extrema inversão da polaridade ideológica, o mesmo Ernesto Guevara presidindo o Banco Mundial ou o FMI, de acordo com as normas vigentes do capital financeiro.

Enfim, sendo (ou não), como alegam alguns, o jornalista João Mellão Leitão, preconceituoso e eleitor de Serra (ou de quem o PSDB venha escolher para concorrer com a Dona Dilma Rousseff), acho inadequado dizer que tal artigo “só favorece a direita”. Melhor seria ponderar que “talvez possa beneficiar os tucanos” pois, há muitas luas, a bem da verdade, o atual partido da ex-militante de esquerda, o PT, mudou de lado, ainda que mantenha um discurso ambíguo, capaz de confundir as mentes pouco atentas à concretude dos fatos (para alegria e glória dos geniais marqueteiros, capazes de vender lula por polvo).

Além de umas poucas divergências nos detalhes dos programas de per si – dos dois partidos hegemônicos -, PT e PSDB, no geral, não há maiores discrepâncias, notadamente no que diz respeito a aspectos das diretrizes da política econômica adotada por ambos, bem como no entendimento assemelhado que têm quanto a necessidade da minimização do Estado. Em outras palavras, ainda que negando peremptoriamente, ambos os partidos, na prática, exercem, apoiam e patrocinam a política neoliberal.

Talvez, em troca dos arroubos juvenis em sintonia com as mazelas do trabalhador brasileiro, a outrora guerrilheira tenha substituído os sonhos de transformar a realidade injusta por preceitos pragmáticos de assegurar a manutenção do capital sem pátria. Dizer menos ou mais sobre a candidata do presidente Lula, é adorná-la com chifres diabólicos ou asinhas angelicais com o propósito de demonizá-la ou sacralizá-la conforme a paixão por esse ou por aquele partido.

Pelo exposto, o(a) leitor(a) inteligente já sacou que não votarei na coroa (que é o cara) e muito menos no careca.

 

Fonte do referido texto: http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20091204/not_imp476524,0.php
Anúncios

10 Respostas to “• A polêmica ida de Dona Dilma ao céu”

  1. Menandro Ramos Says:

    Recebi por e-mail:

    ——————–

    Excelente Menandro,
    Realmente você conseguiu acabar com a polêmica.
    Saudações,
    Vera Jacob

    ——————–
    De: Vera Jacob [mailto:vjacob@uol.com.br]
    Enviada em: quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010 22:32
    Para: menandro@ufba.br
    Assunto: Re: RES: Res: [ANDES AD 2009] Dilma morreu e foi para o céu

  2. Menandro Ramos Says:

    Recebi por e-mail:

    ——————–

    Muito bom e oportuno seu comentário, companheiro! parabéns!

    ——————–
    De: graça ciriaco [mailto:gracaciriaco@hotmail.com]
    Enviada em: quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010 23:57
    Para: menandro@ufba.br
    Assunto: RE: RES: Res: [ANDES AD 2009] Dilma morreu e foi para o céu

  3. osaciperere Says:

    Recebi por e-mail:

    ——————–

    Menandro,
    Excelente, como sempre!
    Ceier

    ——————–
    De: andes-ad@googlegroups.com [mailto:andes-ad@googlegroups.com] Em nome de Cleier Marconsin
    Enviada em: quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010 00:46
    Para: menandro@ufba.br; ‘Vera Jacob’; ‘Joana A Coutinho’
    Cc: Andes-AD@googlegroups.com
    Assunto: Re: Res: [ANDES AD 2009] Dilma morreu e foi para o céu
    Prioridade: Alta

  4. Menandro Ramos Says:

    Recebi por e-mail:

    ——————–

    Menandro e Saci, “vocês dois” são mesmo arretados! O que sai das suas conversas é show de bola! Que bom que vcs compartilham conosco.
    Ósculos e amplexos,
    Marilia

    ——————–
    De: andes-ad@googlegroups.com [mailto:andes-ad@googlegroups.com] Em nome de Marilia L. Washington
    Enviada em: quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010 05:30
    Para: menandro@ufba.br
    Cc: Andes-AD@googlegroups.com;
    vjacob@uol.com.br;
    jcoutinho@uol.com.br
    Assunto: Re: RES: Res: [ANDES AD 2009] Dilma morreu e foi para o céu

  5. Menandro Ramos Says:

    Recebi por e-mail:
    ——————–

    Comp@s

    Faço minhas as palavras de Cleier e Marilia, esse Saci precisa só de uma perna para botar a casa em ordem.

    Quanto as discussões na rede, não esqueçam que ela é autônoma e democrática e no sentido inverso do governo do PT, sem censura. Você escreve, é lido e fica sujeito a elogios ou críticas.

    Emerson

    ——————–
    De: andes-ad@googlegroups.com [mailto:andes-ad@googlegroups.com] Em nome de Emerson Araújo
    Enviada em: quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010 08:29
    Para: Marilia L. Washington
    Cc: Andes-AD@googlegroups.com;
    vjacob@uol.com.br;
    jcoutinho@uol.com.br;
    menandro@ufba.br
    Assunto: Re: RES: Res: [ANDES AD 2009] Dilma morreu e foi par a o céu

  6. Menandro Ramos Says:

    Recebi por e-mail:

    ——————–

    Concordo com os comp@s,
    Menandro você foi excelente. Acabou a polêmica!
    Parabéns pelo blog do Saci. Sou leitora assídua do Saci.
    Saudações na luta,
    Vera Jacob

    ——————–
    De: andes-ad@googlegroups.com [mailto:andes-ad@googlegroups.com] Em nome de Vera Jacob
    Enviada em: quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010 08:49
    Para: Emerson Araújo
    Cc: Andes-AD@googlegroups.com;
    jcoutinho@uol.com.br;
    menandro@ufba.br;
    mlwashington@uol.com.br
    Assunto: Re: RES: Res: [ANDES AD 2009] Dilma morreu e foi par a o céu

  7. Menandro Ramos Says:

    Recebi por e-mail:

    ——————–

    Olá amigo, como sempre, você foi direto ao cerne da questão. Obrigada pelo texto maravilhoso e bem humorado.

    Bjs.
    Oneize

    ——————–
    De: Oneize Amoras de Araujo [mailto:oamoras@hotmail.com]
    Enviada em: quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010 10:13
    Para: menandro
    Assunto: RE: RES: Res: [ANDES AD 2009] Dilma morreu e foi para o céu

  8. Menandro Ramos Says:

    Recebi por e-mail:

    ——————–

    não votarei na coroa (que é o cara) …
    aaaa-ddddoooo–reeeiii!!!
    B
    MI
    ——————–

    De: Maria Inês Marques [mailto:imarques@ufba.br]
    Enviada em: quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010 13:20
    Para: menandro@ufba.br
    Assunto: Re: A polêmica ida de Dona Dilma ao céu

  9. Menandro Ramos Says:

    Recebi por e-mail:
    ——————–

    Parabéns pela intromissão. Você foi genial.
    Também sou leitura assídua do seu Blog.
    Bira.

    ——————–
    De: ibiraci maria fernandes rocha [mailto:ibiraci16@yahoo.com.br]
    Enviada em: quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010 14:35
    Para: menandro@ufba.br
    Assunto: Re: RES: Res: [ANDES AD 2009] Dilma morreu e foi para o céu

  10. Cecília de Paula Says:

    E viva o Saci!
    Boa discussão essa da história e do seu curso, pois muitos dos que ontem lutavam pela classe trabalhadora hoje estão com a patronal e é bom limpar este campo e saber que história é movimento e que não podemos, de fato, nos prender a fatos, mas a toda esta trajetória da moça que, de guerrilheira passou a braço direito do poder neoliberal no Brasil, respingando para as Américas e camuflando a realidade social.
    Ainda bem que o Saci e tu, querido amigo, sabem ler esta realidade, com coração, mente, corpo inteiro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: