• Israel quer transformar deserto em jardins floridos

 

 Menandro Ramos
Prof. da FACED/UFBA

O professor Isolpi, atual presidente da APUB, na nota “Ganhou o SIM” na lista de discussão da APUB, tem a virtude louvável da sinceridade. Podemos discordar dele em tudo o que escreveu nesta nota, menos na sinceridade profunda com os seus colegas da UFBA. Quando ele afirma que “O sindicato agora vai ser local. Tudo aqui sob nosso controle”, (grifo meu) ele está falando a mais pura verdade.

Nos últimos tempos, ele tem se manifestado com uma extrema vontade de controlar tudo. E o faz com mão de ferro (Um verdadeiro Thatcher tupiniquim, como diz o Saci), diga-se de passagem. Vide a forma como conduziu o plebiscito, evitando ao máximo a conscientização dos professores sobre a verdadeira natureza do obscuro Proifes, ao privá-los dos debates esclarecedores; vide as dificuldades e barreiras que interpôs a uma simples solicitação de ata por parte de uma associada da APUB e vide o as formas “disciplinadoras” como vem “mediando” (ou autorizando “mediar”) a lista de discussão da APUB.

– Mas tudo para o bem e conforto dos associados, diria ele.

De forma magnânima, generosa e altruísta, só estava esperando o encerramento da armação do plebiscito para presentear aos súditos do Reino da APUB com uma lista novinha em folha, escancaradamente sem restrição. Sente-se e recoste-se, mas é verdade! É um gesto digno de um Imperador bondoooooso disposto a doar-se em prol da felicidade geral. A não ser a insignificante proibição de divulgação de links, tudo mais será permitido. Em vista do resto, constitui-se ninharia essa canetada na remissão a um outro endereço…

Diante das grandiloquentes manifestações de apreço aos seu súditos, não restou ao Saci senão a inevitável conclusão.

– Caramba, véi! Se o colendo Prof. Israel Pinheiro continuar nesse ritmo, sem dúvida, vai transformar a má fama do estéril Proifes em um lindo jardim florido!

 ***

 Antes de finalizar, e antes que o Presidente da APUB queira me processar por plágio, devo esclarecer que o primeiro parágrafo do presente texto não é de minha autoria. Ou, pelo menos, quase nada dele foi escrito por mim.  Como eu estou meio preguiçoso para escrever, hoje, tomei-o emprestado do ilustre Prof. Israel Pinheiro, ou melhor, reciclei-o de uma das suas cuidadosas epístolas (veja) a respeito deste modesto redator que vos escreve.

__________________________

 

 Ganhou o SIM

A Diretoria da APUB Nós da Diretoria da APUB, nos congratulamos com todos os colegas que votaram pelo SIM no plebiscito. Foi uma bela vitória. Agora sim, temos “régua e compasso” para continuar com o nosso trabalho de reorganização do movimento docente das IFES, a nível local e nacional. 

É grande o prejuízo que nos tem causado a ausência da Andes nos espaços políticos ocupados pelas demais entidades dos servidores públicos. Mas como em política não há espaços vazios, os professores colocamos lá o Proifes-Forum e desde 2004, estamos retomando os nossos caminhos. Por tudo isto, brevemente, estaremos discutindo a formação do sindicato local e nacionalmente a formação de uma federação de sindicatos das IFES. Um sindicatão nacional, cheio de dinheiro, manhas e muito discurso, muita mistificação, nem pensar. O sindicato agora vai ser local. Tudo aqui sob nosso controle. 

 Nacionalmente, uma federação. Uma estrutura leve e eficaz. A FASUBRA é, entre nós, um bom exemplo.

 (Fonte: apubdebates-l-bounces@listas.ufba.br; em nome de; isolpi@ufba.br)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: