 Diálogo: a luta simétrica de contrários

…A

A retenção de algumas das minhas mensagens na lista da UFBA “debates-l”, suscitou uma outra mensagem que enviei ao Prof. Francisco Santana (Chico), conforme pode ser lida abaixo. A referida mensagem, por sua vez, provocou o desconforto a um colega, que solicitou sua exclusão da lista. Este fato sensibilizou a um outro colega que propôs dialogar sobre assuntos de interesse da Universidade. Tal proposta foi encampada pelo reitor da UFBA, que  acolheu com entusiasmo à possibilidade do bom diálogo e reafirmando a crítica, em outras palavras, ao mau uso da lista.

E eu, prezado (a) leitor (a), reafirmo a fala de todos os colegas dialogantes, fazendo apenas um pequeno acréscimo: que haja diálogo hoje e sempre, sim, mas que haja simetria para as partes.

Enfim, que seja um diálogo entre os iguais em direito.

Transcrevi, abaixo, os e-mail trocados entre professores pela lista “debates-l”. Enquanto isso, a censura da”apub-l” continua mantida pelo colendo presidente da APUB, o Prof. Israel Oliveira Pinheiro.

Menandro Ramos

…………………………………….

Colegas,

Acho a idéia excelente, mas desconheço eventuais descaminhos na lista, ou práticas inadequados dos seus usuários, a não ser a tentativa de cercear a liberdade de expressão de alguns dos seus membros, por parte de outros que se autoproclamam “justiçosos”. Que se dê, pois, claramente, nome aos bois, se há destempero ou desatino. Se alguém caluniar a outrem ou cometer algum excesso, certamente poderá conhecer os rigores da Lei!…

Não é possível que se pense numa Universidade verdadeiramente democrática sem o diálogo. Acredito nisso firmemente e sempre vou apostar nessa ideia.

Que o tema sugerido, pois, seja debatido à exaustão, e mais outros e outros.

Só não é salutar criarmos o rótulo “esse pode” e “esse não pode”; esse é acadêmico, mas aqueloutro é profano.

Sugiro também que o tema da “AUDITORIA DA DÍVIDA NA AMÉRICA LATINA E A CPI DA DÍVIDA NO BRASIL” seja incluído num temário a ser construído. Tenho plena certeza que competência não faltará aos professores da UFBA se assim o desejarem, porém achar que apenas alguns temas – mais diretamente ligados às questões acadêmicas  -, se prestam para ser examinados, é condenar a Universidade Pública a uma entediante Torre de Marfim.

A propósito, sugiro, mais uma vez, o acesso ao endereço:

www.divida-auditoriacidada.org.br

Atenciosamente,

Menandro Ramos
FACED/UFBA

…………………………………….

—–Mensagem original—–
De:
debates-l-bounces@listas.ufba.br
[mailto:debates-l-bounces@listas.ufba.br] Em nome de naomarf@ufba.br
Enviada em: terça-feira, 9 de março de 2010 07:48
Para:
waldojsf@ufba.br;
debates-l-bounces@listas.ufba.br;
debates-l@listas.ufba.br
Assunto: [Debates-l] Res: Debater, dialogar…Sugi

Colegas

Temos que agradecer a Waldomiro por esta iniciativa.

Num so movimento, critica os rumos equivocados que essa ferramenta de debates estava tomando e levanta uma questao pertinente para o bom uso da lista, importantissima para  avancarmos no processo de recriacao da UFBA.

O atual sistema de recrutamento de quadros docentes na pratica promove a reproducao restrita do modelo e impede a renovacao institucional. Concursos seguindo regras que equalizam a selecao para o servico publico, com as mesmas regras tanto para docentes e pesquisadores como para auditores e auxiliares administrativos, sao obviamente insensatos.

Esperamos fazer concursos para mais de 500 vagas docentes na proxima onda.

O tempo eh curto para atualizarmos o modelo mas estamos dispostos a faze-lo.

Para isso contamos com os novos Conselhos Superiores, cujos membros ja se manifestaram a favor.

Proponho:

A) amplo debate nesta lista, com avaliacao do sistema vigente e compilacao de propostas concretas

B) consolidacao de um novo modelo, com elaboracao de minuta de Normas para preenchimento de vagas docentes

C) apreciacao dos Conselhos Academicos, com parecer tecnico

D) submissao a Comissao de Normas e Recursos e ao pleno do Consuni (será a primeira deliberacao do Consuni em suas novas competencias academicas de acordo com o novo Estatuto) Espero que esta contribuicao de Waldomiro abra um novo momento de participacao democrativa e competente usando as redes sociais digitais da UFBA.

Outros temas merecerao nossa atencao e cuidado Abs a todos/as

Enviado do meu BlackBerry® da Oi.

…………………………………….

—–Original Message—–
From: waldojsf@ufba.br
Date: Mon, 08 Mar 2010 16:16:16
To: debates-l@listas.ufba.br
Subject: [Debates-l] Debater, dialogar…

Prezados,

Assim como o Prof. Antonio Menezes, inicialmente pensei em solicitar para ser excluído desta lista. Por uma razão elementar: seu papel seria ‘prima facie’ constituir um espaço aberto para debates acerta de temas relevantes pertinentes à nossa vida acadêmica. Debates, de fato, são fundamentais no cotidiano da universidade, pois há um certo grau de INDETERMINAÇÃO que nos obriga constantemente a tomar decisões e avaliar nosso papel na sociedade e na cultura.

Mas debate exige, sobretudo, argumento e contra-argumento. Sem isso (e sem respeito mútuo), o debate pode se transformar numa forma antipática e humorada de vaidade.

Não gosto muito do rumos que esta lista está seguindo, mas também não gostaria de abandonar este espaço. Por isso, gostaria de convidar os colegas a apresentar temas para o “debate”. O que hoje, na UFBA, realmente está desafiando nossa inteligência e exigindo nossa posição, nossos argumentos?

Um assunto que eu gostaria de discutir em tempo oportuno é o modelo atual de concursos para professores. Eu não gosto desse modelo, pois acho que ele permite certos vícios que muitas vezes ameançam o ideal de meritocracia, imparcialidade e avanço da ciência. Não tenho uma proposta alternativa clara na minha cabeça, mas acho que os concursos deveriam ser nacionais e não locais.

Mas queria ouvir a opinião argumentada dos colegas.

Waldomiro Silva Filho
Dep. de Filosofia

Citando antomen@ufba.br:

…………………………………….

PREZADOS SRS;
ME EXCLUAM DESSA LISTA, P0R FAVOR.

Prof. Antonio Menezes

Citando Menandro Ramos <menandro@ufba.br>:

…………………………………….

Oi Chico,

A razão de vc não ter recebido minhas mensagens é muito simples: a lista “debates-l” não libera mensagem minha desde o dia 04/03/2010.

Espero que a lista da APUB não faça escola…

Depois vou receber a mesma queixa de ter o meu “narciso” exacerbado e de não ter consciência.

Enquanto não liberam, adianto o expediente…

Abr
Menandro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: