• A hora da razão – Pedro Abib

Pedro Abib – FACED/UFBA

 

Uso o título de um samba do nosso saudoso “Batatinha” (pra quem não conhece, um dos maiores sambistas da Bahia), para me dirigir aos colegas professores da UFBA.

O objetivo desse curto texto não é dirigir-me aos colegas que costumam acompanhar os debates políticos da nossa universidade mais de perto, nem aos colegas que frequentavam as assembléias, no saudoso tempo em que o debate democrático ainda prevalecia no nosso ambiente acadêmico. Esse grupo de professores já tem suas posições formadas, de um lado ou de outro dessa história. Escrevo essas linhas sobretudo para os colegas que não estão tão próximos desse debate tão importante para os rumos do movimento docente: o Plebiscito convocado pela atual diretoria da APUB.

Estamos num momento crucial, onde “A Hora da Razão” mais do que nunca se faz necessária. O movimento docente representado pelo ANDES foi construído com muita luta e dignidade durante décadas em nosso país. Graças ao empenho e a dedicação de todos que ajudaram a construir o ANDES-Sindicato Nacional, a universidade pública brasileira ainda se mantém de pé, muito diferente da situação das universidades públicas de nossos vizinhos latino-americanos, quase todas nas mãos dos interesses mercadológicos.

Digo isso na qualidade de um militante desse movimento que no ano de 1998, participou de uma Greve de Fome, juntamente com outros 18 colegas de outras universidades federais do país, durante 12 dias, em defesa da Universidade Publica. Colocamos em risco nossas vidas para lutar por uma Universidade Pública decente para o nosso tão sofrido povo brasileiro. O ANDES tem história !  Com erros e acertos, continua sendo o nosso mais legítimo representante, e que sempre manteve a dignidade de se portar como um sindicato que defende os interesses de seus sindicalizados, ao contrário do  PROIFES, que surge como uma “correia de transmissão” dos interesses do governo. Se esse governo é bom ou ruim, aqui isso não interessa. O que interessa é um sindicato docente DEVE MANTER INDEPENDÊNCIA para poder reivindicar e lutar pelos princípios de uma universidade pública de qualidade. E isso, para quem tem um mínimo de visão política, percebe que não é caso do PROIFES.

Por isso, conclamo a todos para que comparecem às urnas no dia 16. VOTEM !!!, Exerçam seus direitos de poder definir os rumos do movimento docente, os rumos de nossa universidade pública. VOTEM NO NÃO !!! Não permitam que mais de vinte anos de lutas e de construção de um sindicato verdadeiramente democrático como o ANDES, sejam destruídos por alguns poucos pseudo-sindicalistas deslumbrados com o poder. Os governos passam, os sindicatos não !!!

Pelo ANDES-SN

Anúncios

3 Respostas to “• A hora da razão – Pedro Abib”

  1. Ramanita Mayer Varela Says:

    Concordo com você e parabens pela luta

  2. AstrologyReadings Says:

    Hello, awesome page. Keep up the good work!

  3. Menandro Ramos Says:

    Recebi por e-mail:

    Caro Menandro,
    finalmente consigo olhar “coisas” que não fossem absoluta “emergência”, relacionada com atividades da diretoria do sindicato; guardei-as todas para o final de mandato e estou indo de “frente para trás”. Cheguei ao tempo do inacreditável plebiscito da Apub. Sempre me diverti muito com suas tiradas com o Saci. Obrigada pelo bom-humor, tão necessário para que possamos continuar levando à frente a luta ranhida que temos que empreender contra o oportunismo, o individualismo míope e o produtivismo estéril que imperam em nossas universidades.

    Um grande abraço,
    Lighia
    ex-2.a vice da regional/SP e da editoria da revista U&S!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: