A Arte não se curvou!

.

.

ppp.

.

ara o Saci, de certa forma, as ciências dos economistas e dos sociólogos – entre outros – duras, sisudas, maquiadas, indelicadas às vezes… – acabaram se curvando diante do governo petista e dos ajustes “levyanos”. Segundo ainda o meu escrachado amigo, a frase grandiloquente do reitor da UFBA coube como uma luva na última AG das “Exéquias Fúnebres do Velório do Peru”:

A ARTE NÃO SE AJOELHA, LUTA!

Segundo o Prof. João Carlos Salles, “A UFBA não pede socorro, Luta!”. E, para abusar mais ainda, pilantra que é, o Saci arrematou: “Obrigado, meu rei, fico lhe devendo essa!

.

DURER 2015.

Conjuminâncias acerca de outros textos não sisudos

.

Menandro Ramos
Prof. da FACED/UFBA

A.

.

inda nessa pegada de “filosofices” de meia pataca, o Saci considera que tudo pode ajudar ou pode atrapalhar, de acordo com o movimento dialético do real. Sempre ele está me lembrando que a luz, ou o Sol, usado metaforicamente por Platão, no Mito da Caverna, para se referir à Verdade, tanto se presta para contrapor a inteligência com a estupidez ou parvoíce, quanto para adubar a leira do pensamento idealista – contraposto ao materialismo dialético de Marx (diferente do mecanicista). Assim, não há luz que “estapeie” a matéria sem projetar algum rastro de sombra e penumbra, insiste o pestinha abusado…

Nesta linha de raciocínio, se a sopa sofre alteração do morno – pra mais! – queima a boca, o excesso de amor vira cárcere, a mistura das luzes coloridas primárias aniquila-se na luz branca da síntese aditiva; enquanto a mistura dos pigmentos coloridos primários (opacos ou transparentes) transmuta-se do arco-íris ao cinza escuro da síntese subtrativa, e por aí vai…

Na última Assembleia dos Docentes da UFBA, durante a já célebre “Exéquias do Funeral do Peru“, algumas máscaras caíram, apesar de terem resistido por muito tempo… Como a água que entra em ebulição a 100 ºC sob pressão normal (de 1 atmosfera, como dizem os físicos). Com perdão da analogia, salvo melhor sacada, tudo indica que a ausência de uma explicação plausível para a saída da greve e mais alguns textos extra-linguísticos, desconhecidos pela alta sensibilidade de alguns colendos doutos gurus, praticamente sócios proprietários das vontades da ágora, fizeram o papel da temperatura para a alteração do estado físico da matéria. Ou o líquido não estaria entre o sólido e o gasoso?

Tudo isso, o meu amigo de gorro vermelho e pito conjuminou, só para dizer que algumas das manifestações denominadas de “artísticas”, pouco usuais no paradigma conservador de assembleias, amparados há mais de dois mil anos por um modelo impermeável que se mantém ad infinitum, foram capazes de alterar os estados ou posturas “apolíneas” para posturas “dionísíacas” num piscar de olhos. A indelicadeza de alguns “gurus” para com os que não usaram apenas o “discurso sisudo” mostrou isso…
***
Diante de minha empolgação pelo fato de a Arte prestar um grande contributo para o aperfeiçoamento das AGs futuras, o Saci foi curto e grosso, como quase sempre:
 .
– Mas não se empolgue muito não, chefia! Como as Ciências, as Artes não são esse “doce de buriti” todo, não! Ela pode libertar, mas pode também aprisionar. Veja os pintores, músicos, compositores, arquitetos, literatos, entre outros, que venderam a sua competência e força de trabalho para erigir impérios. Folheie um livro de História da Arte e observe nele o quanto os papas,  os reis  e comandantes outros se beneficiaram das Artes para assegurar o direito de mandar, explorar, ludibriar, legitimar a mais-valia etc. sobre os TRABALHADORES – que historicamente produziram toda a riqueza da humanidade… Quer algo mais contemporâneo? Então, ligue a TV. Sintonize-a na Globo e assista ao The Voice. Depois, me conte para quem vende sua força de trabalho aqueles extraordinários cantores-profissionais amados e idolatrados pela massa…
 

0 vinci marx. 0 marx

.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: