Cai bastião petista

.

faraó 2016.

o

.

.

Prof. Marcio Correia Campos, da Faculdade de Aquitetura/UFBA, fez uma provocação bacana: “Existe uma tradição na esquerda acadêmica de tentar transformar o espaço em política, em ações que em geral muito rapidamente deixam o espaço de lado. Hoje o prefeito de Salvador deu uma aula de como fazer política a partir do espaço, que é, aliás, o elemento definidor de qualquer cidade. Abrir uma campanha sambando na casa do adversário não é para qualquer um. Ele não fez nada do outro mundo, é que a oposição a ele é incapaz de entender o que é o espaço”.

Os petistas se sentem como se tivessem o “olho furado”, pois o Rio Vermelho é tido como um reduto do Partido dos Trabalhadores. Os anti-petistas estão exultante com a proeza do neto prodígio. Mas não se deve esquecer que o código que ele assimilou para administrar a pólis é inteiramente pró-capital.

– Bobo é quem pensa diferente! – assegura o Saci.

Quem não torce pela “Menina do País das Maravilhas” ou pelo “Menino Prodígio Corta Árvores”, conforme vem sendo dito por aí, está dando boas gargalhadas diante da ópera bufa que antecede a campanha das eleições municipais…

.

zeróis

Anúncios

Tags: , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: