A barbárie pede passagem

.

armas.

justiceiros-17.

crueldade-17

.

cap r.

.

ecentemente, foi divulgado, nas redes sociais, um vídeo de inominável violência, mostrando um jovem tendo dois dedos cortados a machadadas por um “justiceiro”.

Atribui-se a Gandhi a frase “O olho por olho deixará a humanidade cega”. Ela me parece verdadeira. Com muita frequência, nos últimos tempos, são vistos espancamentos públicos, execuções sumárias e outras práticas que mergulham o país na barbárie plena. Geralmente, as vítimas são pessoas pobres, altamente vulneráveis por não terem tido as mínimas condições de uma vida com dignidade. As causas são múltiplas. Talvez fosse simplismo dizer que é porque “não estudaram”. O estudo é extremamente importante, mas somente a escolarização não basta. É só lembrar que muitos dos parlamentares envolvidos em denúncia de falcatruas e picaretagens diversas dispõem de diploma superior. No fundo, muitos deles que são blindados das sanções legais são mais deletérios ao país do que jovens que – erradamente! – cometem pequenos furtos. Surrupiar uma margarina num supermercado, causa menos prejuízo à sociedade do que privar estados e municípios dos recurso para a Educação e para Saúde de qaulidades comprovadas e não apenas propagandeadas. Isso, só para começo de conversa. Sem fazer qualquer apologia a pequenos furtos – seja de uma gravata, seja um pote de margarina…

.


%d blogueiros gostam disto: