A origem do Proifes

.


Além da versão em vídeo, há outra versão, abaixo, em Slide Show e outra em PDF.

.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A origem do Proifes em PDF – Clique AQUI

.A

.

inda no mês de dezembro em curso, dias atrás, a Oposição Apub reuniu-se na FACED/UFBA para tratar de algumas deliberações do movimento docente. A participação dos associados da APUB foi modesta. Talvez os afazeres de final de ano tenham contribuído para o esvaziamento. Talvez.

Uma coisa é certa: a Oposição não pode dormir no ponto, sob pena de o Proifes governista conseguir o registro sindical. Não foi sem propósito que a diretoria da APUB silenciou-se diante da decisão da Justiça do Trabalho anulando o plebiscito que visava desfiliar a seção sindical dos docentes da UFBA do Andes-SN.

Enquanto isso, o Pai da Universidade Nova e agora reitor pro-tempore vai configurando o novo quadro de docentes que irá compor a Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSBA). O (a) leitor/leitora arriscaria dizer que posição assumirão esses professores frente a uma entidade sindical no futuro? Mais a direita ou mais a esquerda? Pró-governo ou pró-trabalhador?

Para completar os percalços que a Oposição tem que enfrentar, alguns professores, travestidos de oposição, participam, às vezes, das reuniões mencionadas e tentam desconstruir com frequência as ações que de fato fariam jus ao nome “Oposição”.

Certamente, os menos esquecidos, ainda se lembram de discursos proferidos nas greve do ano passado, que diziam: “Vamos acabar com essa pinimba entre Andes e Proifes. O que importa é  pensar nos professores da UFBA”. (Há vídeos que registraram falas desses tipo). Para os desavisados, o discurso até pode parecer plausível, mas no fundo, é uma grande cilada em favor do peleguismo.

É bom que a Oposição não esqueça que a APUB continua sendo ANDES-SN com a vitória do Prof. Francisco Santana na Justiça do Trabalho. ANDES esse,  que por sua vez não tem nada mais a ver com a CUT governista.

Para que não fique nenhuma dúvida, publicamos várias modalidades de registros visuais e audiovisuais sobre a origem truculenta do Proifes, conforme podem ser vistos acima.

Anúncios

3 Respostas to “A origem do Proifes”

  1. Menandro Ramos Says:

    Recebi da Prof. Maria Inês a seguinte observação:

    Mena,

    Só uma correção, não é o proifes, tenho insistido, é a proifes, dita federação de ifes. O artigo o, seria usado se tivessem conseguido virar sindicato, mas a unicidade sindical ainda não caiu.

    Quando irão restituir o dinheiro dos repasses dos sindicalizados ao Andes para retornarmos ao seio do sindical?

    Vou pedir para nós, ao Papai Noel, um sindicato de presente!!!!

    B

    Maria Inês Marques

  2. Menandro Ramos Says:

    Prezada Inês,

    Quando me refiro “ao Proifes”, penso, inexoravelmente, num movimento. Movimento golpista, claro, de matizes amareladas…

    Mas suas observações são válidas e bem aceitas. Doravante, grafarei “a Proifes”.

    Bjs.
    Menandro

  3. altino Says:

    MENA E DEMAIS COLEGAS DA UFBA!
    EXCELENTES FESTAS E ENERGIA PARA OS EMBATES DE 2014!
    Menandro: excelente trabalho de “advogado…” no sentido de chamar à realidade a oposição e com isso contribuir para que voltemos a nos aglutinar para empreendermos luta – em janeiro, JÁ, JÁ, JÁ – relativa à colocar em prática a decisão judicial: A APUB É ANDES!
    Daí, sugiro agendarmos reunião para o dia 08 de janeiro – quarta-feira – com PAUTA ÚNICA:
    – deliberarmos e programarmos ações efetivas para cumprimento da decisão judicial!
    Local: FACED ou IGEO
    Horário: 17horas!!
    EXCELENTE VIRADA DE ANO!!
    abraços,
    altino

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: