O berço da maior greve da UFBA

Companheira-Narilsa

Segundo o Saci, o papel da Companheira Narilsa foi fundamental para a construção da maior greve que a UFBA conheceu… (clique na foto para visualizá-la melhor).

O (4).

Prof. Felippe Serpa, ex-reitor da UFBA e professor da Faculdade de Educação, costumava dizer que as greves das Universidades Federais contribuíram para mantê-las em pé, para tristeza dos mantenedores das chamas do ideário neoliberal…

Foi com esse espírito de resistência e de insurgência que o meu amigo de  gorro vermelho e pito localizou uma pasta da greve passada nos meus alfarrábios eletrônicos para, segundo ele, “Dar a Narilsa o que é de Narilsa!” Afinal, a geração de professores novos da UFBA precisa conhecer o lado heróico da oposição sindical da APUB, para não trocar gatopor lebre. Seria uma injustiça dizer que o movimento sindical se transformou unicamente num campo de pelegos, como é o caso da melancólica Apub proificista.

Não tive como não me lembrar de Ofélia Medina, atriz mexicana que protagonizou Frida Kahlo: “O povo que não conhece sua história, está fadado a repeti-la“. (no documentário de minha autoria “Viva o México de Frida e Ofélia“).

Menandro Ramos
FACED/UFBA

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: