Temeridades

.

Há quem diga que por trás da apoteose da Olimpíada do Rio houve o empenho de alguns antigos parceiros que hoje fazem o mise-en-scène do estranhamento…

.

c cap 0808.

.

onforme o Saci, de um modo geral, as artes visuais, nas suas múltiplas formas contemporâneas, seduzem pra dedéu gregos, baianos e cariocas. E não é pouco! O capital tem a expertise de sobra para manejá-las, sobretudo esbanjando poder de fogo para envolver visceralmente seus realizadores – esses maravilhosos artistas -, muitas vezes sócios e cúmplices inconscientes das maldades advindas do fruto de suas competências, o que leva o pestinha a concluir que, tal qual a ciência, a arte ou as soluções e processos artísticos são históricos e destituídos de qualquer chance de neutralidade. Doa em quem obrar.

Ao longo da história, rigorosamente desde a antiguidade, os artistas são chamados para emprestar ou vender sua competência, às vezes regiamente, para realizações arquitetônicas, escultóricas, pictóricas, melódicas, criativas, enfim, a quem pode retribuir de alguma forma.

Como era de se esperar, a Olimpíada do Rio não foge à regra. O blush e o gloss se espalham pela Cidade Maravilhosa, corrigindo fealdades ou encobrindo eventuais cicatrizes do tecido social, maltratado e marcado pelo ferro quente da indiferença dos governos de partidos hegemônicos que se revezam no poder. Pena que o foco dos gestores da pólis nunca incide na área social…Teríamos o melhor dos mundos se isso acontecesse.

No que diz  respeito ao favorecimento preferencial do capital, do modo que for, justiça seja feita, os administradores da res publicas que temos tido são sempre criativos e inovadores, além de terem o faro aguçado para a escolha dos melhores profissionais de plantão. E nisso a arte é, inevitavelmente, a cereja do bolo.

De forma que as empreitadas técnico-artísticas para eventos similares aos da Olimpíada do Rio são tão contagiantes, mas tão contagiantes, que qualquer pobre mortal que ousar tecer uma crítica prosaica,  por menor que seja, ao aparato de sedução da razão-emoção instrumental capitalista, será condenado a carregar nos próprios ombros a pecha de louco, despeitado ou jurássico. No melhor dos eufemismos acadêmicos.

Menandro Ramos
FACED/UFBA


 

plantar 2016

ENQUANTO-ISSO

 

pokemon 2016.

cap t 0808.

.

empos atrás, havia um quadro num programa de humor da TV que terminava com um personagem exclamando: “Brasileiro é tão bonzinho!”

Com  a febre do jogo Pókemon Go gratuito, que está mobilizando um verdadeiro exército de caçadores desse inocentes monstrinhos virtuais, talvez seja o caso de se resgatar o bordão com uma ligeira substituição do sujeito: “Gringo é tão bonzinho!”

Recebi e repasso, sendo ou não “Teoria da Conspiração”.

O (Pokemon Go) foi fundado por esse cidadão: John Hanke
Ele também fundou a empresa Keyhole, Inc.
Essa Keyhole é um projeto de mapeamento de superfícies, foi comprada pelo Google e usado pra fazer o Google Maps/Earth e Street view.
4° Essa Keyhole foi patrocinada pela empresa In-Q-tel, que foi fundada pela CIA em 1999 (só entrar no site deles e comprovar).
Até aqui já podemos ver que a CIA indiretamente poderia ter acesso a todos os mapas do planeta, né? só que eles ainda não conseguiam entrar dentro das casas, correto?
Esses dias foi lançado o joguinho Pokemon Go, que virou febre na galera e geral anda usando, né?
Pra jogar você precisa dar permissão pro aplicativo usar a câmera, gps, microfone e até os dispositivos USB que estiverem conectados no seu smartphone.
Sempre que você aceita a permissão, o seu cel já acha 3 pokemons pertos de imediato (os 3 primeiros pokemons).
Quando você procura por pokemons dentro de casa, você permite o aplicativo ter uma foto da sala, incluindo as coordenadas e o ângulo do seu celular.
10° Você acabou de registrar as fotos de onde você mora por dentro e dar acesso ao aplicativo.

Veja bem, você leu os termos de aceitação pra usar o jogo? acho que ninguém vai ler né? são esses:

– “Nós cooperamos com agências do governo e companhias privadas. Podemos revelar qualquer informação a seu respeito ou dos seus filhos…”

No parágrafo 6 vocês podem achar isso também:
– “Nosso programa não permite a opção “Do not track” (“Não me espie”) do seu navegador”.

Fontes:
http://bit.ly/2aek3JD
http://bit.ly/29A7iFu
https://twitter.com/zergulio


%d blogueiros gostam disto: