– Chapa 1 é continuação da ex-destituída – diz Israel

Para o Saci, depois do petardo lançado pelo Prof. Israel Pinheiro, a Chapa 1 tinha mesmo era que tirar o corpo. Enquanto isso, a Chapa 2 esperou pacientemente por Godot…

.

.

ense leitor, num camarada pândego, mas pândego até dizer chega. Pensou? Pois então, você está diante do sacripanta do Saci.

Há pouco mais  de uma hora ele chegou no meu cafofo todo quietinho, sonso, meneando a cabeça, assim com um ar de absoluto desamparo. Aquele estado borocoxô do amigo condoeu-me o coração. Não resisti e dirigi-me a ele:

– Que cara é essa Saci? Viu alguma mula-sem-cabeça?

– Antes “sesse”, chefia – balbuciou ele.

Saquei logo que ele estava gozando com a minha cara. Aquela gaiatice de “Antes sesse, mas não esse” era prenúncio de deboche. Estourei.

– Desembucha ô patife! Qual é a sua?

– Sério, chefia, né nada, não. Eu com tanto pepino para resolver, acabei optando por assistir ao debate das duas chapas em Arquitetura, mas a Chapa 1 amarelou…

– Como é que é? Não houve o debate? Perguntei exultante, pois eu estava em aula e já havia lamentado o fato de não ter comparecido à Faculdade de Arquitetura.

– Houve não! Os caras escafederam-se, tiraram o time…

– ‘Cê tá brincando!

– Sério! A Chapa 2 ficou de molho um tempão, e os fujões não enviaram um emissário, não mandaram um e-mail, não fizeram sequer um sinal de fumaça…

– Nem ligaram?

Neca de catibiriba!

– Caramba! Algo grave deve ter acontecido. Eu não consigo nem atinar o motivo…

– Eu tenho um palpite… Se você me permite…

– Vá logo, pilantra! Deixe defrescura! Desembuche!

– Bem, você não gosta que eu critique os seus sacorossantos colegas da UFBA, mas dessa vez, data venia do pessoal de Direito, acho que o ilustríssimo cientista político pisou na bola…

– Continuo boiando… Não sei de quem você está falando!…

– Do doutor Isolpi, Chefia. Aqui pra nós, quem tem um amigo como ele não precisa de inimigo…

– O professor Israel Pinheiro? O que foiu que ele fez? Debandou para a Chapa 2? E a Chapa 2 aceitou o seu apoio?

– ‘Cê tá muito por fora, chefia! ‘Cê não leu o verdadeiro libelo que ele divulgou na rede em favor da Chapa 1? Cara, ‘cê precisa ler com urgência. Ele entregou seus companheiros de chapa que, até então, haviam se camuflado… Imagine você que até a cor vermelha a tchurma adotou numa boa no seu material de campanha, como verdadeiros revolucionários lutando em favor dos docentes e o escambau!

– Caramba!…

Eu ficara perplexo. De fato, o colendo cientista político entregara a chapa de bandeja…

– Imagine você, com o bocão de todo tamanho, ele acabou dizendo com todas as letras que a Chapa 1 era a continuação da ex-diretoria destituída, proificista de carteirinha, portanto, braço direito do governo no sindicato dos professores. É mole, ou quer mais?

Corri para ler o tal libelo isolpiense. De fato. O experiente cientista, salvo melhor juízo, pisara feio na bola. Claro que ele não fizera por mal. Aqui eu o defendo. Seus propósitos eram os melhores para com  sua chapa, mas o irremediável estava feito.

– Você acha que depois dessa… Dessa… Dessa…

– Olhe o que você vai dizer, pilantra! Isso é um blog acadêmico…

– Dessa ratada… Você acha que depois dessa ratada, a Chapa 1 conseguiria produzir adrenalina suficiente para participar de um debate? Você no lugar dos caras conseguiria?

Pela primeira vez fui obrigado a concordar com o pilantrinha. Não era fácil, não! A Chapa 1 fora desnudada…

—————————————————

VAMOS À ELEIÇÃO NA APUB

Nos dias 27 e 28 desse mês teremos mais uma eleição na APUB para a mudança de diretoria.

É uma eleição muito importante porque culmina um ano de greve e muitos outros enfretamentos dentro do sindicato. O que está em jogo nessa eleição é o que cada um está fazendo pelos professores. É uma eleição de um  sindicato que deve cuidar dos interesses da categoria, basicamente salário e condições de trabalho. É também decidir os rumos da APUB na disputa ANDES X PROIFES. Uma disputa muito importante porque são coisas completamente diferentes. Se ganha a chapa 01, a APUB continua no PROIFES, se ganha a chapa 02 é o retrocesso, é a volta pra ANDES com tudo o que isto significa para nós, uma história que conhecemos muito bem. Não era preciso, por exemplo, estarmos hoje dando aulas nas férias. Aquela greve podia ter sido muito mais curta para conseguirmos o que conseguimos. Para este pessoal, greve é uma outra coisa.O que exatamente?

Indo ao que é prático e definitivo na vida de todos nós, o que foi mesmo que a ANDES fez pelos professores de 2004 para cá? Discursos e mais discursos. É possível alguém viver de discursos neste nosso tempo, neste nosso Brasil? Das greves anuais da ANDES, já nos livramos faz um bom tempo. Isto foi uma coisa muito boa. Tudo isto porque o PROIFES foi criado em 2004 para preencher o espaço vazio deixado pela ANDES no nosso movimento sindical.  Em 2006 o PROIFES negocia com o governo o primeiro aumento salarial de sua historia e cria a classe de associado. Em 2008 assina o acordo salarial de 3 anos. Todos tinham aqui aumento acima da inflação e viam contempladas muitas de suas reivindicações históricas  como a equiparação entre ativos e aposentados.

Em 2012 o PROIFES assina mais um acordo de três anos com o governo (2013-2015) com o aumento médio de 32% para os três anos. As demais categorias, incluindo aqui os nossos funcionários, tiveram 15% para o mesmo período. A ANDES não participa de nada. Coloca-se
à margem desse processo. Assinou somente o acordo que dá um aumento de 4% aos professores correspondente ao ano de 2011. Assim mesmo tiveram muitos problemas lá, porque a idéia deles é não assinar nada com o governo, um ?inimigo? a combater!

É sobre qual desses dois sindicatos que a APUB vai pertencer, é que temos que decidir na próxima eleição. O PROIFES é verdadeiramente um sindicato. Negocia com o patrão, discute questões fundamentais da categoria e encontra os caminhos mais adequados pra ela como
agora mesmo está fazendo no GT carreira que a ANDES não participa. A ANDES não é propriamente um sindicato. É uma igreja, um partido político, uma confraria ou qualquer outra coisa menos um sindicato a julgar pela sua atitude nos últimos anos em relação às  demandas fundamentais dos professore, em relação ao que tem que ser o compromisso de um sindicato com a sua categoria. Vamos então votar na chapa 01, encabeçada pela profa. Claudia para que todo este trabalho não seja interrompido, para que a APUB não se torne algo completamente inútil para nós.

A CHAPA 01 SOMOS NÓS.

Israel Pinheiro,
Depto. de Ciência Política, UFBA.

Anúncios

2 Respostas to “– Chapa 1 é continuação da ex-destituída – diz Israel”

  1. osaciperere Says:

    Circulou na “debates-l:

    É incrível como pessoas que deveriam manter eternamente o exercício do espírito crítico insistem em cair no bipolarismo reducionista. Incrível também como certos padrões discursivos voltam frequentemente à tona. No tempo da Inquisição ou da ditadura brasileira, todos que não a apoiavam ou silenciosamente se calavam, eram demonizados, torturados, queimados ou desapareciam. No colonialismo, mundo afora, o “nós” (europeus) reuniam toda a positividade possível, o “eles”, a negatividade absoluta. Aqui e agora: “santos” =Proifes, o “nós” do discurso do Prof. Israel, os “outros”, meros “demonios”=Andes.

    Haja maniqueísmo barato!!

    Abraços cordiais,

    V. Zamparoni

  2. osaciperere Says:

    Acabo de ver a lista de apoio à Chapa 1. Muitos deles ocuparam cargos no governo et caterva. Talvez tenha vindo de cima a ordem de ninguém ficar em cima do muro. Sendo assim, se seu mestre mandou, ordes é ordes… Começou a Terceira Guerra Mundial!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: